Mulher maravilha bíblica


Uma juíza com ferrão de abelha

Você já deve ter percebido que este é o verão da "Mulher Maravilha". Mas não há nenhuma novidade nisso. Três mil anos antes da Gal Gadot estrelar no cinema, a Bíblia nos deu uma verdadeira Mulher Maravilha. Um mulher hebraica chamada Débora foi uma das líderes mais poderosas no antigo Oriente Próximo. Em hebraico, o nome Devora ( דְּבוֹרָה) significa "abelha", uma alusão ao ferrão com que ela aferrou os canaanitas em uma batalha importante no Vale de Jezreel (Juízes 4).


Uma mulher maravilha bíblica excepcional

"E Débora, profetisa... julgava a Israel naquele tempo" (Juízes 4:4). Se o fato de Débora - uma mulher - ter servido como juíza já não era suficientemente surpreendente, a Bíblia ainda se refere a ela como profetiza. A palavra hebraica neviah (נְבִיאָה), que é o feminino da palavra profeta (navi), é muito rara e aparece apenas cinco vezes em toda a Bíblia. Mas a Bíblia exalta Débora ainda mais: "como mãe em Israel (em b’Yisrael) você se levantou" (Juízes 5:6). É a única vez que esse título aparece na Bíblia, fazendo de Débora uma matriarca verdadeiramente excepcional.


A força do idioma Hebraico

Nenhum filme moderno é realmente novo. Simplesmente reciclam histórias antigas da Bíblia. Mas porque se contentar com ler apenas a tradução da Bíblia? Ler o texto original da Bíblia em hebraico é a maneira mais poderosa de acessar os verdadeiros significados do texto. Resumindo: se você está lendo o Antigo Testamento em português, está perdendo muita coisa. Matricule-se em nosso próximo curso online ao vivo de Hebraico Bíblico e aprenda como ler a Bíblia como ela foi escrita.



0