CONVITE PARA O CONGRESSO TEOLÓGICO NA EVANGELHO PLENO, DIAS 25 E 26 DE MARÇO!



Síntese de Waldir Rodrigues/Aconselhamento Pastoral
O termo usado especialmente no contexto norte-americano do século 20 é “aconselhamento pastoral”, uma tradução da palavra inglesa “pastoral conseling”. Outros termos são utilizados:

a) Poimênica – que é a ciencia do agir do pastor.

b) Clínica pastoral – o acompanhamento pastoral na área da saúde.

c) Psicologia pastoral – a interpretação da pastoral sob perspectiva psicológica.

A ordem destas metáforas está na medicina, na psicanálise e no método psicoterápico de Caris Rogers. Esta atividade não se restringe aos ministros ordenados, mas trata-se de uma relação livre entre dois parceiros iguais. O autor define poimênica, como ministério de ajuda a comunidade cristã, para os seus membros e para outras pessoas que a procura no contexto da igreja. O objetivo do aconselhamento pastoral, é ajudar as pessoas para que possam viver a relação com Deus, consigo mesmo e com o próximo de uma maneira consciente e adulta. Sendo assim, o autor indica aconselhamento pastoral como uma dimensão da poimênica, acontecendo sempre em qualquer lugar quando pessoas convivem juntas. A convivência e a comunicação são o fundamento social do aconselhamento em geral e a koinonia um fator que contribui para a realização do aconselhamento, pois nele se transmite um significado espiritual.


A teologia prática sinaliza para uma existência de uma diaconia atuante em conjunto com o aconselhamento pastoral. Ambas, diaconia e aconselhamento se completam e caminham na busca de ajudar o necessitado. Enquanto a diaconia se expressa na área física, o aconselhamento se expressa na área espiritual. Eu particularmente gostei da abordagem do autor, pois analisando o texto, percebe-se o quanto se deve melhorar a pratica de nossas comunidades, para o desenvolvimento de uma diaconia com o aconselhamento em favor das pessoas afim de que sejam tratadas espiritualmente, fisicamente e incluída na sociedade bem como em nossas comunidades.
Poimênica no antigo testamento sinaliza uma prática de aconselhamento centrado na busca do ser humano em resgatar a relação com Deus. O aconselhamento aparece ligado ao culto, ao sistema jurídico e a sabedoria popular. As pessoas que se encontram no antigo testamento fazendo aconselhamento eram:

Sacerdotes

Anciãos

Juízes

Profetas

Já no novo testamento, poimênica desafia os cristãos a realizarem uma identificação com Jesus, identificação através de conduta prática de um testemunho de vida diante das outras pessoas a ser exemplo do mestre. Com esta identificação os cristãos são fortalecidos, tem esperança e paciência adjetivos que servem para a edificação do corpo de Cristo. Este fenômeno se chama “paraclesis” significando consolação e admoestação. Pois a mensagem da vida no Reino de Deus e da ressurreição de Cristo transforma a antropologia abrindo espaço para a verdadeira vida espiritual constituída pelo “pneuma”. Os agentes de aconselhamento do novo testamento são:


Todos os crentes ligados em Cristo Jesus com uma verdadeira identidade Cristã.


Depois vemos a poimênica na idade média e na igreja antiga onde, a integração da tradição bíblica e grega na Igreja antiga transformou a mensagem escatológica num dogma sobre a verdade eterna e levaram ao uso de novos meios de aconselhamento, como cartas de consolação, processos de auto-investigação e penitência ritualizada com a finalidade de purificar a alma. Os eremitas no deserto do Egito, fundadores do monaquismo oriental, se submetiam na solidão de sua caverna, a exames espirituais contínuos, aprofundaram a cultura da auto-observação e desenvolveram um tipo de acompanhamento pastoral por um mestre que assumia o papel de pai espiritual. O livro de confissões de Agostinho é o documento mais importante do aconselhamento como processo de auto-experiência perante Deus. Agostinho reconstruiu, reflete e avalia a história da sua vida na forma de uma oração. De certa forma psicologiza a sua auto-experiência de pecado, culpa luto, conversão e esperança. Assim a torna a fonte mais importante para o seu aconselhamento. Conhecendo a si mesmo, ele pode ser solidário com outros.

Já na reforma a poimênica se constituiu a partir do protesto de Lutero contra o abuso desse tipo de aconselhamento pastoral. A partir do seu próprio processo de luta contra as tentações, a partir de uma profunda experiência daquilo que significa ser pecador, ser condenado pela voz de Deus na consciência,de ser anulado, Lutero descobriu na graça pura como dádiva de Deus por causa da vida e morte de Jesus Cristo o fundamento para uma reconstrução e reestruturação da identidade do indivíduo. Era um indivíduo com dois sujeitos, o verdadeiro sujeito oculto, que é o próprio Cristo ao qual a pessoa pertence.

Em seguida o autor mostra o desenvolvimento da poimênica no contexto da modernidade que pietismo desenvolveu, contra a rigidez desse sistema de controle eclesiástico, uma nova forma de aconselhamento que promoveu pela primeira vez a conversação livre em que uma pessoa podia colocar os seus problemas independentemente da situação de penitência . O enfoque na fé pessoal, nas experiências de conversão e na santificação caracterizava o aconselhamento pastoral pietista.

Tipos de aconselhamento pastoral na América Latina consistem no sistema de penitência e na poimênica sacramental (Santa Ceia, Unção dos Enfermos) da Igreja Católica, porém assumiu, especialmente na convivência das comunidades eclesiais de base, formas e práticas mais comunitárias. Por causa da dependência histórica das igrejas evangélicas dos imigrantes europeus no Brasil da teologia produzida no exterior, encontramos nas comunidades até hoje as diferentes propostas mais ortodoxas ou liberais de aconselhamento, conforme a respectiva posição do pastor. Uma dificuldade com que nos deparamos na apresentação de tipos de aconselhamento pastoral na América Latina consiste no fato de que a maioria dos livros sobre o assunto são traduções de textos escritos no contexto norte americano que mostram apenas na superfície algumas semelhanças com o contexto latino-americano (organização congregacionalista das igrejas, separação de Igreja e Estado, fortes movimentos fundamentalistas, problemas raciais, sociedade multicultural de imigrantes). Atualmente consta-se a importância de quatro modelos teóricos de aconselhamento pastoral na América Latina:


a) O modelo fundamentalista – que se restringe somente ao uso da bíblia.



b) O modelo evangelical de psicologia pastoral – usa a psicologia para efetivar um
aconselhamento mais eficaz.



c) O modelo holístico de libertação e crescimento – O modelo de Clinebell parte de uma visão holística do ser humano a qual se baseia na antropologia bíblica que descreve o ser humano como imagem de Deus, criado à sua semelhança como pessoa na integralidade de corpo, mente e espírito e em relação com os outros, a comunidade. Por conseqüência, é “o alvo da vida cristã” desenvolver a personalidade com todas as suas possibilidades num processo de crescimento.



d) O modelo contextual de uma poimênica da libertação – O aconselhamento parte do sofrimento atual das pessoas. Os seus instrumentos, ouvir e falar serve para dar uma voz ao sofrimento, para articular o protesto e partir para a ação. A psicologia, cuja importância para a teologia da libertação Hoch defende, integra-se nesta tarefa. No trabalho da poimênica da libertação ela transforma-se numa psicologia pastoral contextualizada.






1